segunda-feira, 14 de julho de 2014

"Eu uso óculos!"


Durante as últimas semanas, Gabriel esteve de férias e resolvi vira-lo do avesso. Vacinas, pediatra, dentista, exame de fezes, oftalmologista....
Quem procura, acha. 

Acabamos descobrindo que ele está com astigmatismo. Vai usar óculos. Prevejo dias difíceis até ele se acostumar. Na loja, ele achou o máximo experimentar várias armações. Mas quando tiver que usar todos os dias...

Bom, tudo isso pra dizer duas coisas.
Primeira. É aconselhável fazer exames de vista anuais nas crianças. Muita gente não faz, e isso compromete a qualidade de vida da criança, o rendimento escolar e a saúde dos olhos.

Segunda. A oftalmo me recomendou as armações Miraflex, que não quebram e se ajustam bem ao rostinho da criança. O chato é que elas não são feias, são pavorosas! Depois, quando o óculos estiver pronto, eu mostro para vocês.
Também não são nada baratas! Por sorte o dono da ótica é nosso amigo e nos fez um descontão.

quinta-feira, 3 de julho de 2014

Hotel em Cancun (com crianças) - Riu Cancun - Parte 2

Desculpem a demora, mas essa semana foi punk!!! Tanto no consultório quanto no hospital. E só falta uma partezinha desse post, para acabarmos de falar do hotel em que nos hospedamos.

Vamos falar da alimentação?


Uma leitora me perguntou se o esquema "all inclusive" valia a pena. Claro que isso vai depender do ritmo de cada um, da idade das crianças, do roteiro de cada família.
No nosso caso funcionou, mesmo a comida do hotel não sendo a oitava maravilha do mundo. O café da manhã era gostoso, mas não tinha meus amados wafles. Nossa, senti muita falta deles.
Em compensação, havia uma mesa onde havia um senhor que preparava na hora qualquer suco que a pessoa quisesse. E isso me salvou, pois eu levava 4 mamadeiras do Gabriel, enchia de suco, colocava em uma bolsa térmica, e ia dando ao longo do dia.

Almoçávamos na rua, mas quando chegávamos no hotel, exauridos, no fim do dia, a jantinha sempre nos salvava. Sem contar em ter todas as bebidas - inclusive alcoolicas - do frigobar, para serem consumidas livremente. E os lanches na piscina, tudo incluído. Vale a pena sim. E sempre tem um dia em que tiramos para ficar de preguiça no hotel.

Depois da refeição, havia programação infantil antes do "espetáculo". Gabriel adorou.


Se você estiver querendo paquerar, este hotel é uma ótima pedida. Muita gente jovem, badalação, música, drinks na piscina... eles paqueravam até as sérias mães de família, então é um lugar legal para dar uma levantada na auto-estima (kkkkk). Fico me imaginando lá com 10 Kg a menos. E 10 anos mais jovem. Melhor não pensar.
(será que tinha alguma gosma verde nas minhas costas? Ou algum papel grudado?)


Mas se você procura um hotel mais romântico, deve procurar o hotel que fica bem ao lado, o Riu Palace. Eu dei umas passeadas por lá, para tirar algumas fotos, e fiquei de queixo caído. Parece coisa de cinema!


Nesse hotel não tem tanta badalação, e saí de lá com uma vontade incrível de me hospedar na próxima ida a Cancun. Até o Gabriel aprovou. Mas tenho a impressão de que crianças não são bem vindas no Riu Palace. Curiosamente, não fomos expulsos.


Uma dica final. 
Cancun é lindo, e dá um ótimo "palco" para se tirar fotos. Em todos os hotéis, existem fotógrafos, com books de tirar o fôlego, e a pessoa fica louca pra fazer umas fotos. Porém, um detalhe. Cada foto custa uma fortuna! Tipo 20 dólares por UMA. 
Pois dessa vez eu fiz diferente. Arrumei um fotógrafo independente, e tiramos fotos alucinantes!!! Se não me engano, paguei uns $250, porém recebi umas duzentas fotos. E fotos alucinantes!!!
Esse será o tema de um post que está próximo. 
Mas nesse meio-tempo, não gastem dinheiro com o fotógrafo do hotel!


terça-feira, 1 de julho de 2014

Usei e Amei: Formula X For Sephora


Caramba, se arrependimento matasse!!!
Na viagem da Disney, sobrou um tempinho para entrar na Sephora, coisa pouca, tipo trinta minutos. Quem me conhece, sabe que eu dou uma surtada quando tenho pouco tempo pra desfrutar dessa loja.

Mas nessa viagem, eu me preparei psicologicamente para ter pouco tempo, afinal, o foco era a felicidade do Gabriel, e não a minha.

De forma que, ao invés de chorar, eu fui direto nas prateleiras com as coisas que eu precisava, tipo delineador, a base miraculosa da Hourglass (vou falar dela aqui, se é que já não falei), e claro, esmaltes.

Quando cheguei na Sephora, uma constatação. não vi um mísero vidrinho de OPI, nosso esmalte querido de tantos anos. No lugar dele, só encontrei esse, o "Formula X for Sephora".

Hummmm...seria o esmalte da Xuxa?
(piada ridícula)

Confesso, tive medo de levar. Digo isso, porque não me adaptei bem aos esmaltes da marca Sephora, aqueles pequenininhos, lembram?

Então, peguei um (mais por questões científicas - será que é bom?- do que por questões de necessidade), o Love Drug, que tem uma cor vinho maravilhosa (a da foto), e trouxe comigo para casa.

Péssima escolha! Eu devia ter trazido uns 10! Um de cada cor! Porque gente, o esmalte dura muito na unha, só começou a descascar com uma semana, e na minha unha eles não duram 4 dias. 
Mas como eu tinha pouco tempo, não pude refletir muito sobre quantos trazer.

Vi relatos na Internet, de pessoas que ficaram 10, 15 dias, sem alteração do esmalte. Claro, pessoas que possuem as unhas fracas e que descascam, como as minhas, terão uma durabilidade menor. E quem tem as unhas fortes, pode comemorar, ele dura mesmo!

Vale o investimento. 
Confira toda a linha AQUI.

Quem somos nós:

Minha foto
minhapele@ig.com.br, Rio de Janeiro, Brazil
Uma médica que ama dermatologia, medicina estética, e principalmente, ADORA o que faz. Um cirurgião plástico apaixonado pela profissão.

Siga "Minha Pele" no seu e-mail...

Acompanham este blog:

Onde você está???