terça-feira, 1 de outubro de 2013

Adeus celulite, em 6 lições

Eu tive o trabalho de escrever de onde vem a celulite, para que todos aqui conseguissem entender os princípios das diversas modalidades de tratamento da mesma.
Conforme vocês leram, a celulite se apresenta, em um mesmo indivíduo, em graus diferentes. Então, uma pessoa pode ter somente o grau 1, mas pode ter o grau 2, 3...Portanto, lição número um. O tratamento precisa ser individualizado.
Em outras palavras, quando você e a sua amiga vão a um mesmo médico, as duas sairão de lá com propostas diferentes de tratamento. Se o seu médico te indicar um aparelho e o dela indicar outra terapia, acredite, provavelmente as duas indicações distintas estão corretas.

Lição número dois. Pelo fato de uma mesma pessoa, possuir graus distintos de celulite, é natural que haja indicação de mais de um tipo de tratamento.
Quando se fala de celulite, MAIS é MAIS. Confesso que me sinto constrangida ao afirmar isso, mas a verdade é que múltiplos tratamentos irão obter melhores resultados do que tratamentos isolados.
Em outras palavras, dói no bolso.
Mas calma!
Existem coisas, MUITAS coisas que podem ser feitas, que não custam tanto dinheiro, é mais uma questão de sacrifício pessoal.
De posse dessa informação, passamos para a lição número 3, a mais difícil de todas. Mudança de hábitos  de vida. E aqui englobamos tudo. Começar a fazer exercícios físicos (ou mudar o estímulo, aumentar intensidade, etc), se alimentar de forma saudável, repensar nas medicações de uso crônico (como pílula anticoncepcional, anti-depressivos...), reduzir o estresse, repensar o vestuário, melhorar o trânsito intestinal...

Parece pouco, parece história pra boi dormir, mas essas mudanças fazem toda a diferença!
Agora que você aprendeu (e colocou em prática) o mais importante, é hora de eliminar a coisa que deflagra a celulite, que é o edema. Lição número 4, atacar o edema.
Se você ataca o edema, vai experimentar uma melhora incrível na aparência dos furinhos.
E sim, eu recomendo drenagem linfática para 99,9% das mulheres, duas vezes na semana no mínimo. Cleópatra devia fazer diariamente, que inveja dela!
Mas não pensem vocês que somente a drenagem dá conta do recado.
É preciso repensar a sua ingestão de sal.
É preciso usar meia elástica diariamente, de leve ou média compressão. Estou falando daquelas horrorosas mesmo. Use calça, mulher! Para esconder as malditas meias.
E tem a pressoterapia, ninguém fala dela. São umas botas que chegam até a virilha e fazem uma drenagem deliciosa, apertando a nossa perna.

Eu sei que você estava esperando um post onde eu falasse do tratamento X, Y ou Z. Ou de um creme milagroso contra celulite, do tipo "Usei e Amei".
Fique calma, vou falar disso agora. Lição número 5.
Tratamento é uma coisa complexa. Funcionam sim, mas como já disse e repeti, volto a insistir. Sozinhos não fazem milagres. E se você para de fazer, a tendência é a celulite se instalar novamente.
Gosto de carboxiterapia, que oxigena o tecido e rompe traves fibrosas.
Gosto de radiofrequencia, que estimula o colágeno e a microcirculação.
Gosto de intradermoterapia, que melhora a circulação, estimula a lipólise, é antinflamatória e anti radicais livres.
Gosto de usar cremes anti-celulite sim, mas desde que sejam associados a massagem. Alguns possuem tanta cafeína que podem causar insônia em pessoas mais sensíveis. Cuidado ao usar à noite.
Gosto de pílulas para celulite, usadas como coadjuvantes, por conterem elementos nutricionais que protegem a parede do vaso, diminuem radicais livres, incrementam a qualidade da derme.

Lição número 6. Se você chutar o balde, ela volta.

8 comentários:

Anônimo disse...

Nossa... Eu cansei só de ler...

Não sei se teria essa dedicação toda para sempre. :-(

Beijinhos,
Pati

Unknown disse...

E quem ta amamentando, pode usar creme com cafeina??

bjs Carla

Unknown disse...

E quem ta amamentando, pode usar creme a base de cafeina?

bjs Carla

Anônimo disse...

Luciana,

Valeu esperar, o texto é didático elucidativo e orientador, bora botar em prática e persistir.

Abração!

Anônimo disse...

Depois de ler tudo fiquei pensando... já que é tem difícil assim não ter celulite.. então..não seria normal do corpo feminino ter celulite e pronto!

Bárbara Lima disse...

As meias nao ficam visíveis no peito do pé , mesmo usando calça?
Eu sou magra e tenho muita celulite na bunda e perna. N entendo...

Fernanda disse...

Oi Luciana! Pode citar algumas marcas/tipos dessas meias elásticas que vc citou? São tantas no mercado, queria uma indicação de uma boa marca...

obrigada!

Isabella disse...

Com essas lições eu Elimino a celulite ou só minimizo os efeitos dela?
Obrigada

Quem somos nós:

Minha foto
minhapele@ig.com.br, Rio de Janeiro, Brazil
Uma médica que ama dermatologia, medicina estética, e principalmente, ADORA o que faz. Um cirurgião plástico apaixonado pela profissão.

Siga "Minha Pele" no seu e-mail...

Acompanham este blog:

Onde você está???