terça-feira, 31 de julho de 2012

Sugestões de leitura...


Muito bom esse livro, A Resposta. Acho que já falei dele aqui no blog, mas resolvi falar novamente, porque já o emprestei para diversas pessoas e todas adoraram!!! Você encontra nas melhores livrarias. Trata o preconceito de forma revoltante, porém era o que acontecia de verdade.


Esse livro, sobre a D. Filipa, que foi rainha de Portugal é uma delícia de se ler e demora para acabar, o que é melhor. Comprei pelo site da FNAC de Portugal.


E esse último, consegui comprar pelo Submarino. É muito bom porque conta a história de muitas rainhas. E existe um outro livro da mesma coleção que fala sobre os Papas. Esse eu nunca consegui encontrar, mas também deve ser ótimo!

segunda-feira, 30 de julho de 2012

A Etiqueta no Consultório Médico


Todo mundo já cometeu algum desses pecadinhos, até eu que sou médica e paciente. Isso não significa que a pessoa não tenha educação, ou faça de propósito, mas de uma maneira geral, vale a pena tentar evitar algumas gafes que acontecem direto nos consultórios médicos. Em qualquer consultório médico.

Atrasos: atrapalham muito a vida dos dois, médicos e pacientes. Quando um paciente se atrasa, isso atrapalha todo o dia do médico e dos outros pacientes. Algumas vezes é inevitável, eu sei disso. É uma reunião que se prolonga, um trânsito inesperado que se pega, um problema de última hora que se apresenta. E eu prefiro que a pessoa venha, mesmo que se atrase. Pior é quando a pessoa falta e não avisa. Mas tem gente que se atrasa sempre. E digo mais. Tem gente que se atrasa sempre o mesmo número de minutos. Tenho uma paciente que chega religiosamente trinta e cinco minutos atrasada. Quando ela vem, nossa secretária, que já sabe disso, acaba marcando todo o resto da agenda em função do atraso dela. Ou seja, é um transtorno.

Tratar mal os funcionários do consultório: sabe aquela dama que você vê passeando com o cachorrinho todo enfeitado pelo Leblon? Então. Algumas só são damas na aparência. Quando entram em contato com pessoas que elas julgam menos importantes, a coisa muda de figura. E eu me incluo na categoria dos "menos importantes". Tem gente que consegue destilar a soberba com todo mundo, secretárias, médicos, enfermeiras, esteticistas... 

Depredar as instalações do consultório: você não leu errado. Tem gente que joga absorvente no vaso sanitário, que deixa o filho rabiscar o sofá da sala de espera, que sobe de sapato na maca, que pega nossos aparelhos médicos (lupa, otoscópio, etc) e deixa cair no chão, e por aí vai, a lista é extensa.

Sumiços inexplicáveis: quando a pessoa só leva as nossas revistas, tudo bem. Inclusive tem gente que pede, e não vemos nenhum problema nisso. Afinal, o destino final das revistas é o lixo, e se elas puderem ser úteis para alguém, tanto melhor. Mas já sumiu secador de cabelos, papel higiênico, xícaras, artigos decorativos do consultório, e muitas outras coisas.

Falar mal de outros médicos: coisa mais desagradável. Toda história tem dois lados. Uma vez, uma paciente ao ser perguntada quem era seu clínico geral (eu gosto de manter contato com os outros médicos dos meus pacientes), me respondeu assim: "estou morando no Rio de Janeiro há cinco anos e nunca encontrei um médico aqui que prestasse". Meu queixo foi no chão, até porque, tenho certeza de que já devo estar no meio dessa lista.

Não respeitar o tempo de sua consulta: eu acho que as nossas consultas duram um tempo muito bom. Uma hora. Algumas vezes, duram até mais, especialmente se acontece de a pessoa marcar o último horário do dia. Sabe quando o nosso santo combina com o da pessoa? O meu record de consulta demorada foi uma hora e quarenta e cinco minutos. Mas caramba, quando temos uma agenda cheia, não é possível extrapolar esse tempo, em respeito aos outros. E aí, quando você entrega a receita, e explica tudo, o paciente lembra que não falou sobre a sua queda de cabelos...

Pedir descontos: já falei muito disso aqui no blog (algumas vezes gerando um pouco de polêmica). Preço, cada um tem o seu, vocês sabem disso. Varia de acordo com o tamanho e endereço do consultório, formação profissional do médico, tamanho da clínica, número de funcionários, complexidade do procedimento, material usado, etc. E pega muito mal barganhar preço. Parece que estamos sendo menosprezados pelo paciente. É diferente de negociar um prazo para pagar. Isso eu acho justo. Eu mesma já precisei fazer isso. Se o paciente pede um desconto e você dá, parece que estava superfaturando o preço antes. E se você não dá, parece mesquinha. Por isso, nós preferimos negociar o prazo.

Cheque voador: acontece muito. É uma pena que os médicos sejam uma classe tão desunida, porque deveria existir uma lista negra com o nome de todo mundo que passa cheque sem fundo e some. Digo isso, porque conversando com outras médicas em congressos, descobrimos que algumas pessoas vão de consultório em consultório, fazendo procedimentos e passando cheques sem fundo. A mesma pessoa.

Dar vexame na sala de espera: já aconteceu de tudo, desde briga de casal, gente falando alto no celular, até uma mulher que pediu para eu dar uma olhada na sua gordura localizada e ficou nua em pêlo bem no meio da sala de espera.

Tenho certeza de que estes são apenas alguns exemplos comuns a muitas especialidades. Se vocês estão pasmos, venham passar um dia nos observando...

quinta-feira, 26 de julho de 2012

Usei e Amei: Compacto Isdin Extrem


Esse tipo de produto é a coisa mais prática deste mundo. Uma base, compacta, com FPS 40 !!! e o melhor, não é comedogênico, deixa a pele com uma aparência sequinha.
É super prático, dá pra levar na bolsa, reaplicar ao longo do dia, sem problemas.

A esponjinha fica escondida em um compartimento arejado (bom para evitar mofo), próprio para ela. mas tome alguns cuidados como não compartilhar a esponjinha com as amigas (sabe aquele povo que pede para aplicar também quando te vê reaplicando?), e uma vez por semana dar uma lavadinha na pia mesmo. Seca-la em um lugar fresco.

A cor fica bem na maior parte dos fototipos, mas em quem for muito branquinha ou negra, provavelmente a base compacta vai ficar um pouco estranha.

A base está custando em média R$93,00,um pouco caro sim, mas nada discrepante em relação a esse mesmo tipo de produto vendido no Brasil.

Está aprovadíssima!!!

terça-feira, 24 de julho de 2012

Cada paciente é um universo!


Outro dia, tive insônia, e fiquei pensando na diversidade de pessoas que conheci graças à minha profissão (e atualmente, ao blog). E posso garantir, que a melhor parte da medicina é poder lidar diariamente com material humano. Ou seja, gente, como eu e você.
E as pessoas... bem, as pessoas são incríveis! Cada uma encerra um universo em si mesmas. Cada uma nos ensina uma coisa diferente (boa ou ruim, ou porque não dizer, ambas). Cada uma vem com a sua bagagem pessoal, emocional, familiar. Cada uma deixa a sua marca, mesmo que eventualmente seja uma marca de unha encravada na nossa jugular, e mais raramente uma marca de chupão provocada pelo galã da novela das oito.

E sim, eu tive a minha cota de galã da novela das oito como paciente (pra ser sincera, galã de verdade, só tive um, mas sem chupão). Tive atores, empregadas domésticas, professoras, tarólogas, dentistas, embaixadores (novamente, embaixador foi só um), tive gente possuída pelo demo (na emergência do Getúlio Vargas, pensa que é mole? E sim, eu tentei exorcizar com "soro bento"...), gente que conversava com árvores e não era maluca, e tive gente que não era maluca, mas que mesmo assim foi internada num hospício pelo marido safado, que queria se apoderar do dinheiro da coitada, alegando insanidade temporária. Pensa que só você tem problemas?

Problema teve uma paciente casada há 25 anos, que foi atender a porta num domingo qualquer, e encontrou de brinde uma criança de 5 anos, cujo pai era o feliz cônjuge da criatura. E atualmente, como o digníssimo encontra-se devidamente desempregado, ela é quem arca com a educação e as despesas da criança, que, afinal, "não tem culpa de nada".

Problema tem uma paciente minha, que só pode comer chocolates escondida do marido, e da empregada - que foi babá do marido - porque ele mantém uma balança dentro do quarto, e só dá dinheiro para ela, se o peso não se alterar durante o mês.

Tive pacientes que me deram muitas alegrias, e que sabem mais da minha vida do que muito parente. Gente que treinou passos de ballet no meu consultório (comigo) antes de fazer a temível prova do teatro municipal.
Gente que entrou pela primeira vez na nossa clínica usando fraldas e hoje em dia usa terno e sabe-se lá mais o quê.

Tive pacientes que deram presentes muito caros (jóias que o ladrão levou, viagens, passeios, entradas para camarotes e lugares exclusivos, roupas caras...), outros me deram presentes muito queridos (jujuba, bolo de chocolate, mimos para o Gabriel, bonecas feitas com a minha cara, desenhos, cartões), presentes super originais (o mais criativo de todos foi um passarinho, que a paciente levou escondida para o hospital, nem sei como ela conseguiu entrar com um animal lá dentro). E tive alguns que me deram um pouco de dor-de-cabeça e alguma azia, mas esses foram poucos, ainda bem.

Tive pacientes que deram trabalho, mas um trabalho bom. Como a adolescente com a perna toda cheia de foliculite que sempre ganhava de mim mousse de chocolate e revistinha da Turma da Mônica, quando ia fazer comigo suas sessões de laser. Ou a paciente que estava internada no CTI, com a perna cheia de úlceras, e eu carregava meu botijão de gás, ultrapesado, só para aliviar a dor dela fazendo carboxiterapia.

Tive pacientes que me ajudaram em épocas em que precisei de um amigo. E tive pacientes que me me confiaram suas cinzas depois de morrer (a quem interessar possa, se você quiser que seu médico jogue as suas cinzas no Arpoador, ou em qualquer outro lugar, é preciso registrar esse desejo em cartório).

É muito difícil ficar rico com medicina nos dias de hoje, se você pensar na riqueza material, na sua aposentadoria, e nos carros que gostaria de dirigir. Mas nós médicos recebemos uma bagagem social intensa, e experiências quase tão compensadoras quanto uma viagem para Paris (eu falei quase, pois não sou nenhuma hipócrita). Nossa herança são as pessoas que temos a sorte de conhecer, as histórias que vivemos juntos. As memórias.

AS PESSOAS SÃO A NOSSA MAIOR RIQUEZA!

segunda-feira, 23 de julho de 2012

Amanhã tem post!!!

Oi, gente!
Amanhã terá post, prometo!
Sabem como é segunda-feira, não é?
A propósito: ninguém reclamou ainda do monotema "Festa do Gabriel", mas juro que essa semana teremos posts belezísticos. Se deixar, eu só falo do universo infantil...E a mulherada que ainda não é mamãe, pode ir anotando as dicas...
E não pensem que esqueci de fazer outros posts da França!!! Aguardem!!!


Que a nossa semana tenha tanta paz quanto o sono de uma criança!

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Festa do Gabriel: créditos

CASA DE FESTAS: Comemorando (o melhor custo X benefício na época em que pesquisei preços)
MESA DE DOCES: eu e minha mãe compramos tudo no Saara (inclusive a toalha de mesa azul, as cestinhas com fitas, os enfeites de fogueirinha, milho, etc) e o pessoal da casa de festas fez a arrumação.


GUARANÁ PERSONALIZADO: os rótulos foram feitos pela Gigiane Lembrancinhas, e o chapéu de palha, eu e minha mãe compramos no Saara (copiei essa idéia de uma festinha da amiga do Gabriel). Também amarramos laços coloridos.




MINHA MAQUIAGEM: como sempre, quem fez foi a Marcela, maquiadora da MAC, gerente da loja do Fashion Mall. A make, ao vivo, ficou mais poderosa do que nas fotos. O Latisse funciona, mas usei cílios postiços (eu sempre uso em ocasiões especiais).
DOCES: Fabiana D`Angelo
LEMBRANCINHAS: mandei fazer uma mochilinha, e dentro dela coloquei um guaraná personalizado, bolinha de sabão e estalinhos. Quem fez foi o atelier Amarilis. Custa R$13,00. Fizemos mochilas com xadrez vermelho, amarelo e verde.


FOTOGRAFIA: como sempre, quem fotografou a festa foi a amiga Amanda Cavalcanti. E dessa vez, ela trouxe outra fotógrafa, a Monique, tão boa quanto ela. Me senti tipo "pague uma e leve duas". Olha que foto super espontânea do beijão que tasquei no meu avô!!!


MINHA ROUPA: a saia eu comprei na Lulu Caju, e o collant preto foi numa loja de ballet em Copacabana (não lembro o nome). O negocinho vermelho foi minha mãe que pregou, e a flor arrematando tudo também (a flor ficava em um prendedor de cabelos nosso). Meia Trifil e sapatos de tango argentinos. O enfeite de cabelo foi comprado em um camelô. Fiz uma escova no cabelo, desfiei o alto, prendi um topete com grampos e coloquei o arco.


FILMAGEM: M3 Produçoes, mas ainda não recebi a fita...O contrato diz que a entrega pode levar até 60 dias...
DECORAÇÃO: pelo que eu entendi, é terceirizada pela casa de festas. De longe, achei linda mesmo... Mas reparem no detalhe dos bonequinhos...


Os bonequinhos de plástico parecem filhotes do Chuck, o Brinquedo Assassino. Medonhos!!! E pela foto do site da casa de festas, não dá para enxergar essa riqueza de detalhes. E era um exército de bonequinhos horrorosos!


BOLO: lindo, lindo, lindo. Mas não vou mentir, foi o pior bolo que já comi na vida. O bolo também é terceirizado pela casa de festas. Para um ser humano conseguir fazer um bolo de chocolate recheado de brigadeiro e doce de leite, ficar ruim, é preciso de muito azar! Mas não vou mentir, achei o bolo muito alegre (pena que alegria passa quando você morde ele).


PAPELARIA: os créditos estão no post de ontem.
ROUPAS DO GABRIEL: camisa xadrez + colete + paletó foram comprados pela Internet, no site da Macys. O chapéu foi comprado no site da Children´s Store. A gravata foi minha mãe quem fez. A calça é Baby Gap, comprei no aeroporto. Os aviamentos aplicados no colete e no paletó foram comprados na loja Caçula e quem aplicou na roupa foi a minha mãe. Tem umas fotos da roupa, que o Gabriel usou em outra festa junina.


Pronto, acho que não esqueci de nada!!!! E já estou planejando as próximas festas, mas isso será o tema do próximo post!!!

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Festa do Gabriel: o aniversariante

Essa história de que as crianças muitas vezes não curtem o primeiro aniversário, de que a festa é mais para os pais do que para a criança, eu pude comprovar. É a mais pura verdade. Sim, o Gabriel curtiu a festa. Mas isso aconteceu principalmente no final, quando a maioria dos convidados já tinha ido embora, e eu tirei a maior parte da roupinha dele, que consistia em calça, chapéu, camisa xadrez, colete, gravata e terno.
Tanto é que na maior parte das fotos ele não aparece completamente caracterizado (mas eu consegui tirar fotos do traje completo em uma outra ocasião, depois mostrarei aqui).



Aqui na piscina de bolas foi o momento de maior diversão para o Gabriel. Em alguns momentos ele cochilou no meu colo. Em muitos outros nós dois gargalhamos juntos. E fizemos muitas poses. Bem, pelo menos eu fiz.

Aqui no meio da multidão de amigos, ele não ficou nada feliz. Gabriel tem muitos amigos!




Se vocês me perguntassem se tudo valeu a pena, mesmo com os eventuais chorinhos dele, eu diria que sim. Não me arrependo de nada. A hora do parabéns foi realmente emocionante, eu não conseguia acreditar que essa pessoa era um sonho, e agora é a realidade. Meu pequeno-grande amor, como diz a música Gabriel do Beto Guedes.

terça-feira, 17 de julho de 2012

Festa do Gabriel: papelaria personalizada

Quando iniciei os preparativos da festa do Gabriel, pedi ajuda para as madrinhas virtuais do Gabriel (ou seja, todas as minhas leitoras). Recebi inúmeras dicas, fotos, e muita, mas muita ajuda mesmo.
A ajuda das minhas novas amigas, Flavia e Morgana, foi decisiva para o sucesso da festa. Elas fazem um trabalho lindo, personalizando tudo que vocês puderem imaginar... 
O site delas é o www.petitrole.blogspot.com
Reparem que coisa mais linda, o Save The Date que elas bolaram para a festa:



Além do Save e dos convites (a fogueirinha pulava quando a pessoa abria o convite), olha que lindas essas bandeirinhas juninas personalizadas, a paçoquinha, os convites de agradecimento, os sinalizadores de porta de banheiro ...



Convite aberto e fechado!





Os enfeites de mesa eram balõezinhos que escondiam um doce de leite gigaaaaante... E até nisso elas ajudaram. Fizeram rótulos lindos para o doce e adesivos para o balão. Olha só:


As meninas tiveram muita paciência com os meus pedidos de mudança de cor e outros pequenos detalhes.
E embora morem lá na região Sul do país, me enviaram tudo pelo correio. A pontualidade foi impecável, e eu sou chata com isso. Portanto, todo mundo pode encomendar as coisas delas que não tem problema.
Queridas Flavia e Morgana, muito obrigada e um beijo no coração de vocês!!!

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Essa semana.. .tudo sobre a festa junina do Gabriel!


Aguardem...
Como ando muito misteriosa, aqui está um pedacinho da roupa que usei no dia da festa...
A saia foi comprada no site Elo7, mandei minhas medidas e a pessoa fez uma saia toda diferente. Escrevam "saia de festa junina" no espaço buscar. Várias opções aparecem. Daí vocês escolhem a mais legal.

O sapato é de tango, comprado em Buenos Aires. São os sapatos mais macios do mundo, tanto é que já fiz um post sobre isso aqui no blog (inclusive com endereços).
E a meia, eu comprei na loja da Trifil.
O resto vou publicando ao longo dessa semana. 
#monotema

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Aumento de lábios a vácuo



Novidade que uma paciente trouxe para a minha mãe...
Juro, não falta inventar mais NADA nesse mundo! Pensei até em tirar umas fotos para mostrar o antes e o depois aqui no blog, mas eu só ganhei um vergão vermelho em volta dos lábios, e definitivamente não fiquei com os lábios da Angelina Jolie. E mesmo se tivesse dado certo, por quanto tempo durariam os resultados? quinze minutos? Meia hora, na melhor das hipóteses?
Ai, gente, não gastem dinheiro com isso não...
Quando eu acabei de fazer essa sucção na minha boca, as pessoas ficaram me encarando no elevador. E eu não me contive ao dizer para elas:
" O que aconteceu com a minha boca foi menos divertido do que parece..."

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Alegrando Luciana: Sephora no Brasil

 Meu povo....
Está chegando o grande dia da inauguração da Sephora e eu não vou estar lá para ver...
#invejabrancadaspaulistas
Fico imaginando o bafafá que não vai ser a sexta-feira em São Paulo!
Espero que vocês me contem tu-do, combinado?
Porque aqui no Rio, nesta província, a bicha só vai abrir as portas em outubro, mas eu só acredito vendo.
Eu sei que as coisas serão caras. 
Que o fato de termos sephora não vai diminuir a necessidade de viajarmos para comprar produtos mais baratos (nem de longe).
Mas, caramba! 
Se a coisa ficar preta, e uma viagem não estiver em nossos planos, é tão bom não depender de amigos ou sites que entregam no Brasil. É tão bom testar as cores, escolher com calma, receber dicas de maquiagem, olhar as novidades...
Enfim. Eu estou muito feliz e só lamento não ser paulista. Porque, se eu fosse, eu ia fazer plantão em frente a loja para a ser a primeira a pisar lá. Coisa que não fiz nem para o show da Madonna. E nem para o Anderson Silva, que merece e muito.
Só me resta esperar as novidades de vocês, e as fotos! Mandem fotos para o e-mail do blog!
Vou encarar como um "estive na Sephora e me lembrei de você".
Beijos!
Curtam por mim!

terça-feira, 10 de julho de 2012

Dermapen - Caneta de Microperfuração da Pele



Dermapen é uma espécie de evolução do Dermaroller. Tem sido bastante usada nos Estados Unidos, ganhou prêmios, e etc... Mas vamos com calma que isso não é nenhum milagre (aliás, nenhum procedimento pode ser considerado assim) e principalmente, não deve ser usada por profissionais da beleza que não são médicos (coisa que tem acontecido MUITO). Cada país tem a sua regulamentação em relação a quem pode ou não operar Dermapen. Eu acredito que as enfermeiras americanas podem usa-la, mas existe um treinamento, que aliás os médicos também realizam, de capacitação.
Ajuda no tratamento de cicatrizes de acne, rugas, estrias, cicatrizes de queimaduras etc...
E deve doer pra burro!!!!
Alguns médicos estão combinando Dermapen com PRP (plasma rico em plaquetas, já falado aqui no blog, que eu e minha mãe adoramos fazer). O vídeo está AQUI.

quarta-feira, 4 de julho de 2012

Ajudinha para a Anne!

Nada demais, gente.
Nada de grave, tipo transplante de medula.
Mas se vocês estiverem com um tempinho sobrando, poderiam entrar neste link e votar na minha amiga Anne para vencedora do desafio de maquiagem da Eudora?
Para quem não conhece o blog dela (que virou site), aqui vai o endereço: www.annemakeup.com.br
Lá tem um mundo de dicas de maquiagem, divirtam-se!!!
E obrigada pela ajuda.
Eu e Anne agradecemos!


obs. E se não for pedir demais, poderiam fazer isso diariamente???? (risos) Pergunto isso sabendo que vocês têm mais o que fazer da vida, e que sim, eu sei que estou abusando da sua boa vontade!
Assinado, Luciana, cabo eleitoral da Anne.

terça-feira, 3 de julho de 2012

Cansou de ser princesa?


Ontem minha prima Marina postou no Facebook (não sei se é de autoria dela), e eu corri para dividir com vocês:

""Mas é que às vezes cansa ser princesa, doce e aí a gente quer ser bruxa, megera... Morder a maçã envenenada, trocar o sapatinho de cristal por Louboutin, judiar dos setes anões, botar o príncipe pra dormir e tacar fogo no castelo. E depois disso ainda sair com o lobo mau.''


Sinceramente? É a mais pura verdade!!! No meu caso, eu só não estou afim de fugir com o lobo mau....

segunda-feira, 2 de julho de 2012

A máscara que tenho usado após procedimentos no consultório:



Eu já falei dessa máscara aqui no blog, mas acredito que leitores novinhos em folha tenham perdido essa informação. Eu amo essa máscara porque ela, ao mesmo tempo em que libera bolhinhas de oxigênio na pele, o que garante uma oxigenação interessante das camadas superiores da epiderme, também é composta por potentes antioxidantes. Como é suave, eu gosto de usa-la principalmente após realizar luz pulsada, radiofrequencia e peelings que são retirados no próprio consultório.
Também costumo indica-la para pacientes que vão viajar, para usarem uma vez na semana, em casa, após realizar uma esfoliação suave.

Quem somos nós:

Minha foto
minhapele@ig.com.br, Rio de Janeiro, Brazil
Uma médica que ama dermatologia, medicina estética, e principalmente, ADORA o que faz. Um cirurgião plástico apaixonado pela profissão.

Siga "Minha Pele" no seu e-mail...

Acompanham este blog:

Onde você está???