domingo, 5 de agosto de 2012

Perigo: a calcinha bege!


Outro dia encontrei uma amiga (muito íntima) no shopping, e, para a minha surpresa, ela estava carregando sacolas e mais sacolas de compras. Todas com calcinhas, sutiãs e camisolinhas. Tinha sacola da Renner, da Fruit de la Passion, da Loungerie, etc.
 Minhas perguntas iniciais:
- Arrumou um amante?
- Vai montar uma loja de roupas íntimas?
- Está participando de algum concurso?
- Enlouqueceu?
- Está pagando alguma promessa?
- É macumba?
- Resolveu adotar um time de futebol de periguetes órfãs?
- ???
A resposta: nenhuma das alternativas anteriores. O marido dela fez um comentário meio cínico-pejorativo-irônico, quando estavam se vestindo para ir trabalhar, e ela, ao invés de se sentir ofendida, calçou as sandálias da humildade e reconheceu um fundo de verdade no que ele estava dizendo. Não que o marido dela fosse o modelo de cueca da Calvin Klein, mas ela sentiu que ela mesma estava insatisfeita com o rumo que as suas roupas íntimas haviam tomado. E toda ação encontra uma reação. E a reação dela foi essa, ir às compras.
Ela decidiu que não is mais esperar o dia dos namorados, o sábado à noite ou o aniversário de casamento para se sentir sensual. Mesmo porque, ela não estava precisando da aprovação de ninguem.

No dia seguinte, ia fazer compras. Quando o marido viu a lingerie, perguntou onde é que ela ia daquele jeito.        
Ela respondeu que ia fazer compras com a empregada, nada demais. E desde esse dia, a cada dia (e noite) ela colocou um modelo diferente (ainda bem que ela teve esse "surto" no início do mê$). Depois de alguns dias, o marido abriu o verbo. Achou que ela tinha arranjado um amante. Que aquela não era a mulher dele. E que ela nem estava tentando disfarçar.
Rindo muito, ela respondeu que não tinha mesmo nada a esconder. Que tinha se apaixonado mesmo por uma pessoa, ela mesma. Que resolveu investir em si própria para se sentir melhor, mais bonita, mais feminina. E que ele deixasse de ser um mané e aproveitasse.
Nessa semana, ela malhou com mais força de vontade. Usou o hidratante duas vezes ao dia. Passou blush para ficar em casa. Namorou o marido quatro vezes na mesma semana (um record para quem está junto há 10 anos). E me contagiou. 

Estou contando a historinha verídica aqui para te contagiar também. 
Pijama + calcinha bege a partir desse momento, estão reservados para aqueles dias.
Neste site tem um texto que é a redenção das mulheres que vão dormir de pijama (site impróprio para menores de 18 anos!).

30 comentários:

Laís Cristine disse...

Lu, morri de rir do post. Mas é verdade, e isso acaba acontecendo com as solteiras tb...pensam: Aiii ninguem vai ver mesmo! Mas tudo pode acontecer né?rsrsrs
Adorei!
Bjs

Anônimo disse...

Confesso que as vezes compro uns conjuntinhos lindos...mas acabo só usando qndo ele vai ser visto por alguem..rsss
Ah...nao consegui abrir o site que vc postou..

Carol Pestana disse...

Eu tenho feito o mesmo que sua amiga, mas aos poucos, estou me mudando... meu marido diz q a roupa de dormir é um codigo dependendo da roupa que coloco ele ja sabe qual sera o final... rsrsrs

Paty disse...

gentem....... tóimmmmmm na minha cabeça... a carapuça serviu direitinho!!!!

Anne Aquino disse...

Minha querida Dra Princesa,
É por esse e por outros posts que posso dizer que te adoro tanto!
Você fala a verdade nua e crua de um jeito que nos toca da melhor maneira possível.
Eu sou gordinha (1,70,83kg)e sou adepta das calçolas beges/pretas pro dia a dia para disfarçar aqui e acolá e volta e meia quando dou bandeira,meu namorado fica me zuando do tamanho da calcinha,mas de uma forma carinhosa,só pros dias de namoro é que uso as bonitinhas.Sua amiga está certíssima,e eu vou pelo caminho dela,a conquista é diária,namoro há 8 anos e estamos já a caminho do altar.Agora mais do que nunca estou começando uma reeducação alimentar/exercícios para exterminar de vez com essas malditas calçolas e conquistar o meu amor por mim novamente.Obrigada pelo post,
Anne

Carol disse...

Oi Dra. Princesa!
Esse seu blog é o máximo por isso!assuntos variados, clima leve e muitas verdades cotidianas!
Adooooroooooooooo!!!
Doutoura, se puder me responder, meu Derma ox, está acabando e estou pensando em trocar pelo Melora C ou o Improve C que ouvi falar muito bem. Você tem preferência por algum desses?Minha dermato diz que posso alternar entre eles mas estou na dúvida. Sei que cada caso é um caso, mas gostaria de saber qual você gosta mais.
Um beijãoo e tudo de muito bom pra você.

wagna disse...

Gente, pelos comentários, os homens gostam de novidade mesmo! E meu marido não gosta mesmo de calcinha bege e/ou grande, sempre pede pra variar e de vez em quando pede pra ficar sem nada!Ai sempre que uso vestido, não tem nada por baixo e ele adora!

Viviane C disse...

Adorei!! Regra numero 1 para ser maravilhosa: Se achar maravilhosa!! Só uma mulher entende que pode ficar mais sexy e segura somente por ter depilado ou estar usando uma lingerie de matar!! Bjs

Anônimo disse...

Imagine ler esse texto depois de ter comprado 10 calçolas bege?! Fui eu. Mas as bonitas estão todas lá na gaveta e meio que deixadas de lado. Sua amiga tem toda razão! Vou me inspirar e usar as bonitas e sexy mais vezes! As beges ficam para as roupa claras e os vestido.
Adoro seus posts, viu?!

Anônimo disse...

Achei o post super legal, mas eh triste de ver como nossa sociedade ainda eh machista!!! E as mulheres tb!!! Afinal de contas, que cor sao as cuecas dele??? Sao sexy? No BR a sociedade vive em torno da satisfacao dos homens, mas isso ainda muda. De qq forma adorei o post, es uma figura!

Le disse...

Nossa, com certeza seu post vai servir para animar mta gente. Eu mesma vou aproveitar a ideia!

Bel Manjericão disse...

Muito bom!!

Kelly disse...

Ótimo ler isso! Precisamos levar um puxão de orelha de vez em quando, mesmo!
Beijinhos!

www.amenidadesdekelly.blogspot.com

Anônimo disse...

nossa era disso que eu estava precisando ler hoje.

Celuppi disse...

Lu
Lembrei de um livro que um tempo atrás (os segredos da elegância da mulher francesa - aliás, ricumendo!). E entre vários, um conselho era esse, de usar lingerie bonita. Que não é uma questão de agradar o parceiro- mas agradar a pessoa mais importante, nós mesmas! Se sentir linda, sexy e desejável não só nos dias especiais, mas todos os dias. Nem que seja pra nós mesmas.
Confesso que nos dias que tenho algo importante (uma apresentação de trabalho, reunião importante) eu coloco um conjunto e bonitaço e fico me sentindo poderosa!!!
Beijos

Aline

Celuppi disse...

Lu
Lembrei de um livro que um tempo atrás (os segredos da elegância da mulher francesa - aliás, ricumendo!). E entre vários, um conselho era esse, de usar lingerie bonita. Que não é uma questão de agradar o parceiro- mas agradar a pessoa mais importante, nós mesmas! Se sentir linda, sexy e desejável não só nos dias especiais, mas todos os dias. Nem que seja pra nós mesmas.
Confesso que nos dias que tenho algo importante (uma apresentação de trabalho, reunião importante) eu coloco um conjunto e bonitaço e fico me sentindo poderosa!!!
Beijos

Aline

Celuppi disse...

Lu
Lembrei de um livro que um tempo atrás (os segredos da elegância da mulher francesa - aliás, ricumendo!). E entre vários, um conselho era esse, de usar lingerie bonita. Que não é uma questão de agradar o parceiro- mas agradar a pessoa mais importante, nós mesmas! Se sentir linda, sexy e desejável não só nos dias especiais, mas todos os dias. Nem que seja pra nós mesmas.
Confesso que nos dias que tenho algo importante (uma apresentação de trabalho, reunião importante) eu coloco um conjunto e bonitaço e fico me sentindo poderosa!!!
Beijos

Aline

Celuppi disse...

Lu
Lembrei de um livro que um tempo atrás (os segredos da elegância da mulher francesa - aliás, ricumendo!). E entre vários, um conselho era esse, de usar lingerie bonita. Que não é uma questão de agradar o parceiro- mas agradar a pessoa mais importante, nós mesmas! Se sentir linda, sexy e desejável não só nos dias especiais, mas todos os dias. Nem que seja pra nós mesmas.
Confesso que nos dias que tenho algo importante (uma apresentação de trabalho, reunião importante) eu coloco um conjunto e bonitaço e fico me sentindo poderosa!!!
Beijos

Aline

Anônimo disse...

Estou grávida e até o momento só encontrei calcinhas de gestante beges e sutiãs de amamentação sem nenhuma graça ou frufru.

Quem um dia inventar lingeries de gestante, com no mínimo estampas diferentes, criativas e se possíveis sensuais garanto que ganhará um público fiel.

Xô calcinhas beges...em todas as fases de nossas vidas

Mi

Flavia Julião disse...

Então aproveite e leia esse artigo aqui, do mesmo site, sobre o enigma da tal calcinha bege ( acho esse assunto uma baboseira sem fim, mas vale a leitura)
http://www.casalsemvergonha.com.br/2012/08/02/deixe-que-ela-seja-bege/

Vc se gostar, se curtir, se achar sexy tem muito mais a ver com seu estado de espírito do que a calcinha ou soutien que voce usa. E sinceramente, o homem que está preocupado com isso, está é arrumando desculpas para justificar que a atração ( e as vezes até o amor) acabou. Vamos ver quanto tempo sua conhecida aguenta comprando lingeries para impressionar o marido nas "4 x por semana" que ela está glorificando. Espero, de coração, que quando o estoque de lingeries da cidade acabar, o tesão todo continue, que esse sentimento renascido nao seja apenas por pedaços de panos decorados.

Anônimo disse...

Dra Lu, essa história me dei um ânimo de renovar e abrir mão das beges sem graça.

Mas quero falar de outro assunto, tenho sardas e não posso pegar muito sol, então gostaria de ter um auto bronzeador pra passar uma vez por mês ou a cada 15 dias, só pra ficar com um ar mais animado!
Você indica algum? Não sei qual comprar!
Alguma leitora indica algum que tenha usado?

Beijão dra!
Dani

Anônimo disse...

Muito bom!!! Adorei! Estou rindo ate agora...

Abracos, Carla

Haline disse...

Ah, eu não sei... sou a favor de me vestir do jeito que me sinto bem, e confortavelmente. Não sou fã de lingerie e não as uso, nem por causa do meu marido. Isso não significa que eu uso calcinha velha e furada, claro, mas sou a favor de ser eu mesma, sempre. Foi por essa pessoa que ele se apaixonou.
Agora, a parte de se cuidar mais, essa sim faz diferença. A gente acaba se colocando sempre no final da fila e acaba não tendo tempo pra si (principalmente qdo se tem filhos, e pequenos).

Haline disse...

Ah, eu não sei... sou a favor de me vestir do jeito que me sinto bem, e confortavelmente. Não sou fã de lingerie e não as uso, nem por causa do meu marido. Isso não significa que eu uso calcinha velha e furada, claro, mas sou a favor de ser eu mesma, sempre. Foi por essa pessoa que ele se apaixonou.
Agora, a parte de se cuidar mais, essa sim faz diferença. A gente acaba se colocando sempre no final da fila e acaba não tendo tempo pra si (principalmente qdo se tem filhos, e pequenos).

Anônimo disse...

AMEIIIIIIIIIIIIIII o post! Era oq eu estava precisando ler hoje! kkkk Beijão!

Elise Machado disse...

Adorei esse post, Lú! :)

Anônimo disse...

Adorei! Já conhecia o Casal sem Vergonha, tbm gosto muito! Beijos

Anônimo disse...

Amei!!!!!!!!
É verdade!
Nós nos acomodamos mesmo com o tempo!
Parecia que estava falando para mim, hehehe!
Menina, vou já comprar as minhas!
Bjs!
;-)

Anônimo disse...

Lu, eu te adoro, vc é demais, seus posts são muito mais que conhecimentos de cosméticos. Vc salva a alma de muita mulher perdida nesse mundo!!!
Te adoro muito

Gratissima disse...

Adorei esse post!
E me fez lembrar que preciso ir fazer "essas" compras... rssss...
bjos e bom findi,
Ro

Quem somos nós:

Minha foto
minhapele@ig.com.br, Rio de Janeiro, Brazil
Uma médica que ama dermatologia, medicina estética, e principalmente, ADORA o que faz. Um cirurgião plástico apaixonado pela profissão.

Siga "Minha Pele" no seu e-mail...

Acompanham este blog:

Onde você está???